Aluna do Senac Taquara conquista ouro em competição nacional

Educação

Cabeleireira Bruna Rupolo venceu provas de educação profissional.

Bruna Rupolo, natural de Parobé, sempre sonhou em ter a profissão de cabeleireira. Divulgação/Rocio Fotografia

A cabeleireira Bruna Rupolo, aluna do Senac Taquara, é medalhista de ouro na etapa nacional das Competições Senac de Educação Profissional. Foram quatro dias de disputa e mais de 50 provas realizadas na última semana (20 a 23/11) nas Competições. No sábado (24), a cerimônia de encerramento anunciou os nomes dos grandes vencedores, consagrando o Senac do Rio Grande do Sul como o Estado com o maior número de medalhas ao subir ao pódio em todas as ocupações que disputou. Além de Bruna, conquistaram medalhas Sofia Montenegro Lerner, na ocupação Cozinha (1° lugar); Daniela Borges, em Cuidados de Saúde e Apoio Social (2° lugar); Veridiana Tironi, em Estética e Bem-Estar e Leonardo Linhares da Silva, em Serviços de Restaurante (ambos em 3° lugar).


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Natural de Parobé, Bruna identificava-se com a profissão desde a infância. “Desde pequena eu gostava de mexer com cabelo, fazia escova na minha mãe, penteados nas amigas da escola, mas não sabia que um dia seria cabeleireira”, conta Bruna. Ela ficou sabendo das competições depois que fez o curso no Senac Taquara e, a partir de então, foram várias etapas até chegar na competição nacional, vencendo as fases escolar e regional.

A competidora conta que os treinos para a etapa regional das competições começaram logo depois da sua conclusão do curso de Cabeleireiro, em julho de 2017. “No início, treinava meio turno, às vezes numa sala sozinha, e em outras, durante algumas aulas no Senac. Depois, para a nacional, treinava no mínimo 8 horas por dia”, recorda. Bruna afirma que a prática mudou a sua vida, e que participar da etapa nacional, significou um importante passo no seu futuro como profissional: “foi um momento único e incrível que vou levar para o resto da minha vida. Foi uma semana longa, árdua, de módulos que eu já havia treinado, mas alguns deles surpresa. A partir de agora, é focar no desempate e dar o melhor, para garantir a vaga na internacional”


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Para o diretor regional do Senac-RS, José Paulo da Rosa, o excelente desempenho do Estado é resultado do trabalho que vem sendo realizado. “É uma satisfação muito grande estarmos no pódio nas cinco ocupações, pois sabemos do investimento que os outros estados fazem e da importância que as competições têm tomado dentro do Senac. Obter duas medalhas de ouro, uma medalha de prata e duas de bronze, sendo o único Estado que conseguiu esse rendimento nesta edição, é motivo de orgulho e demonstra a qualidade do trabalho que estamos desenvolvendo no Rio Grande do Sul”, complementa.

Os dois mais bem colocados em cada ocupação começam agora uma jornada de intensos treinamentos até março de 2019, quando uma seletiva vai definir qual deles seguirá para representar o Brasil na WorldSkills 2019, na Rússia.