Alunos da Escola Professora Noemy Fay dos Santos (Parobé) realizam projeto “Chá de Semancol”

Projeto proporciona aos alunos, entre outras coisas, o resgate do projeto cantinho do estudo em casa.
Fotos: Divulgação.

No ano letivo de 2019, a Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Professora Noemy Fay dos Santos, de Parobé, está realizando o projeto intitulado Chá de Semancol. Promovido pela professora Sônia Maria de Paula Pires, nas aulas da disciplina de Ensino Religioso na turma 170, a atividade tem o objetivo de resolver os conflitos, advindos da junção de duas turmas da escola dos alunos do sétimo ano do Ensino Fundamental.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Segundo a professora, os próprios alunos construíram as regras e os objetivos. “Contei a eles que em anos passados, numa situação parecida, o mesmo projeto havia acontecido e que ajudou muito a turma daquela época. Providenciaram uma cabana em tamanho real, na sala de aula. Encomendaram crachás individuais para uso em aula”, ressalta.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A turma fez a inauguração do projeto para toda a escola, envolvendo as famílias que foram notificadas do que a turma estava fazendo. Acontecem também visitações à cabana, a fim de que o aluno possa desabafar suas dores escrevendo bilhetes que serão lidos oportunamente, em círculo de conversação. Nos momentos do círculo de conversação, só são lidos os bilhetes autorizados.

Conforme a professora Sônia, há uma percepção de que os alunos estão mais unidos e confiantes, trazendo relatos de suas mudanças em relação aos pais, colegas e professores. A caixinha de desabafos foi propositalmente lotada para a visita de psicólogos da Faccat, que receberam convite para participarem de um círculo de conversação.