Temperatura agora:   13.2 °C   [+]

Amifest distribui mantimentos a comunidades religiosas e prepara mais arrecadações na Grande Ação

Centenas de quilos de alimentos são entregues para instituições do Vale do Paranhana por voluntários da festa igrejinhense. Divulgação / Francieli Rech

O sentimento de “Fazer o Bem, Faz Bem” é o que marca o trabalho dos voluntários da Associação de Amigos da Oktoberfest de Igrejinha (AMIFEST) desde o último sábado de maio, quando começou a “Grande Ação”, iniciativa voltada a ajudar quem está passando por dificuldades neste ano de 2020. No próximo sábado (27), a AMIFEST dará sequência à arrecadação de alimentos, produtos de higiene e limpeza, equipamentos de proteção individual (EPIs) e agasalhos, que serão destinados a entidades regionais. O trabalho dos voluntários acontecerá das 14 às 16 horas, no Parque Almiro Grings, que sedia a Oktoberfest.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


No último sábado (20), comunidades religiosas de Igrejinha foram beneficiadas pela destinação de agasalhos e alimentos arrecadados nas etapas anteriores da Grande Ação. Recentemente, 4,6 mil litros de leite já tinham sido entregues pela AMIFEST a hospitais e instituições de abrigo de Igrejinha e região. Noeli Brussius, da Igreja Evangélica do Centro de Igrejinha, manifestou o reconhecimento pela iniciativa da Oktoberfest, lembrando que muitas famílias são beneficiadas com as doações da Igreja, reforçadas pelas arrecadações dos voluntários da AMIFEST. João Domingues Carvalho, diácono da Igreja Manancial de Vidas, disse que os mantimentos recebidos serão destinados a um projeto intitulado Quilos de Amor, mantido há um ano e meio pela comunidade religiosa. “É muito bom ver a comunidade se envolvendo para ajudar o próximo nesse momento de pandemia”, comentou Carvalho.

O pastor Anderson Martens, da Igreja Assembleia de Deus Comunhão Familiar, enfatizou que receber as doações foi momento de muita alegria. “Estamos passando por tempos difíceis, de muitos desafios, mas com a união e amor vamos conseguir fazer muito”, reforçou. O padre Ezequiel Persch, da Paróquia Imaculada Conceição, disse que todos estamos na luta contra uma pandemia, momento em que é necessária a ajuda dos voluntários de Igrejinha. Já o pastor


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Emerson Zielke, da Comunidade Evangélica Luterana Redentor, parabenizou o trabalho da AMIFEST em ajudar famílias carentes. “No momento em que estamos vivendo, é muito importante a contribuição, a solidariedade, unir forças para ajudar quem está precisando mais do que em outras ocasiões, e assim mostrar a força da nossa comunidade”, disse. Também foi beneficiado o Centro Espírita de Igrejinha.

Preparando a última etapa da campanha, o presidente da AMIFEST, Tiago Itamar Petry, enfatizou que o sentimento é de dever cumprido até o momento, abrangendo muitas pessoas em toda a região e, em meio a uma situação diferenciada, a Oktoberfest está proporcionando um pouco de alegria a quem precisa. “No dia 27 será o nosso último dia e pedimos que tragam aquilo que puderem. Aqueles que amam fazer o bem, juntos podemos nos unir numa grande corrente de solidariedade”, reforçou. 

Neste trabalho, a AMIFEST contou com o apoio dos milhares de voluntários que todos os anos se unem para organizar a Oktoberfest de Igrejinha. Muitos deles fizeram doações presencialmente no parque da festa. Outro apoio importante foi dos grupos participantes dos projetos de socialização, realizado desde 2012 pela Oktoberfest e que incentiva ações sociais. Estes grupos de amigos, colegas de trabalho, membros de empresas, que se juntam todos os anos para prestigiar a Oktober, se uniram, em 2020, para contribuir com as doações à Grande Ação. A AMIFEST realizou toda a distribuição para entidades assistenciais da região, na certeza de que esta é uma das formas de assegurar que os itens obtidos serão entregues a todos que estão passando por eventuais dificuldades.