Amifest valoriza patrimônio cultural em novidades da Oktober de Igrejinha

Novos projetos foram divulgados aos coordenadores de comissões que organizam a festividade de outubro.
Chopp em metro foi um dos temas do evento. Divulgação / Juliano Arnold

Marcando a celebração do Dia do Patrimônio Cultural, a Associação de Amigos da Oktoberfest de Igrejinha (Amifest) reuniu os coordenadores de comissões, responsáveis por organizar a festa, em um encontro no último sábado (17), em uma iniciativa da Comissão de Germanização. Foram divulgadas novidades da Oktober para 2019, todas identificadas com a proposta de valorizar o patrimônio cultural germânico, uma marca da festa de Igrejinha e da própria comunidade local. Entre as ações, revitalizações no parque de eventos e nos espaços dedicados à história da Oktober.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




A diretora-artístico cultural da Amifest, Liége Lana Brusius, ressaltou que a Oktoberfest de Igrejinha possui a sua própria identidade, e que vai continuar tendo sucesso caso não se afaste desses propósitos. Ressaltou o apreço ao uso do traje típico pela comunidade de Igrejinha. “Para nós, na cultura, o resgate e a valorização dos traços da nossa memória são a garantia da continuidade da festa”, disse Liége. Explicou que, na Comissão de Germanização, diversas pessoas estão envolvidas para que cada um dos setores da Oktober tenha o traço germânico característico.

Diretora Liége enfatizou a valorização da tradição germânica. Divulgação / Juliano Arnold

Em seguida, Dalva Renheimer, coordenadora da Comissão de Germanização, apresentou um trabalho de pesquisa sobre o kerb na região e enfatizou que a Oktoberfest é um sucesso porque ela mantém o espírito associativista presente na tradição germânica. Depois, Aline Hess e Andressa Schwarz falaram sobre as revitalizações em andamento no Parque Almiro Grings. Citaram a pintura, que está ocorrendo em parceria com a Tintas Killing e a Prefeitura de Igrejinha, bem como a padronização das placas de localização do parque, utilizando a língua alemã. Também mencionaram a construção do Biergarten, espaço em  meio à natureza que será um dos novos pontos de encontro do parque da festa.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O presidente da Amifest, Ezequiel Stein, apresentou as novidades da festa no tocante aos acessos por dia e os benefícios relacionados ao uso do traje típico, explicando aos coordenadores as mudanças promovidas em 2019, todas voltadas a assegurar comodidade aos visitantes e garantir previsibilidade à organização. O diretor de Patrimônio, Amauri Heidrich, também explicou as adaptações que estão sendo feitas no parque, como a construção de novos banheiros e melhorias nas entradas. Por fim, a museóloga Daniela Schmitt falou sobre a preservação do patrimônio da Oktoberfest, com iniciativas voltadas à manutenção da história da festa, como a revitalização do museu em que se encontram os trajes utilizados pelas soberanas, que está passando por adaptações.

Após as palestras no Centro de Eventos Prefeito Selson Flesch, os participantes foram até a Vila Germânica, onde aconteceu coquetel típico de confraternização. Aproveitando o clima festivo, as equipes do chopp em metro e dos jogos germânicos fizeram demonstrações das atividades realizadas junto à Oktoberfest. Foi anunciada uma nova ação para 2019: os jogos, neste ano, também envolverão as escolas de Igrejinha, que serão convidadas a inscreverem equipes para as disputas

Jogos Germânicos: escolas municipais serão convidadas a participar.
Divulgação / Juliano Arnold


PATROCINADORES DA COBERTURA DA OKTOBERFEST NA RÁDIO TAQUARA / JORNAL PANORAMA