Asfaltamento de rota do ônibus em Taquara está em fase de conclusão

Geral

Cinco ruas são beneficiadas pelas obras com investimento de R$ 521 mil.

Asfaltamento da rua Peru, uma das ruas que incluem a rota de ônibus no bairro Empresa. Divulgação/Magda Rabie

A Prefeitura de Taquara informou que está em fase de conclusão a pavimentação asfáltica do trajeto do transporte coletivo de ruas do bairro Empresa. O projeto integra as ruas Almiro Nunes Medeiros, Cantuário Abelardo Britto, Peru, Bolívia e Andreas Haiml, totalizando uma área de 7.994,10 metros quadrados de asfaltamento, em um investimento de R$ 521.846,23. O recurso foi obtido por meio de emenda parlamentar do deputado José Fogaça (MDB), com recursos do Ministério das Cidades. A responsabilidade pelas obras é da Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




O prefeito Tito Livio Jaeger Filho e o vice-prefeito Hélio Cardoso Neto acompanharam as obras na última sexta-feira (14). Tito observa que, apesar das dificuldades, obras foram mantidas em Taquara e que novos asfaltamentos acontecerão em 2019. “Era algo esperado há muito tempo pela população que vem para melhorar a mobilidade do bairro, para melhorar o caminho de todos que utilizam este meio de transporte. Tem sido difícil porque o país tem passado por uma crise muito grande, mas não paramos de trabalhar, estamos empenhados em trazer soluções para a cidade, claro que nem sempre na velocidade que as pessoas gostariam. Podem ter certeza que nós também gostaríamos de fazer tudo que nos pedem, mas é humanamente impossível, mesmo assim, terminamos o ano com notícias boas, são muitas ruas asfaltadas e outras serão encaminhadas o ano que vem”, afirma o prefeito.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


As obras deste trajeto – que incluem a instalação de meios-fios e sinalização horizontal e vertical, com faixas de pedestres termo refletivas – iniciaram em julho de 2018 e estão previstas para serem concluídas em fevereiro de 2019. Todas as ruas receberam reparos, antes da pavimentação, como a drenagem pluvial, em trechos que necessitaram desta manutenção.

Vice-prefeito Hélio Cardoso Neto, prefeito Tito Livio Jaeger Filho e o morador Edson Pimentel durante as vistorias da obra. Divulgação/Magda Rabie