Temperatura agora:   3.5 °C   [+]

Câmara de Taquara aprova contratação de fisioterapeuta

A Câmara de Vereadores de Taquara aprovou, na sessão desta terça-feira (28), a contratação temporária de um fisioterapeuta para atuação no programa Melhor em Casa – Serviço de Atenção Domiciliar. A contratação será válida por seis meses e foi solicitada pela Prefeitura de Taquara. O profissional, inclusive, já foi contratado pela administração municipal, que solicitou a retroatividade dos efeitos da lei a contar de 16 de abril.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Ainda na sessão desta semana da Câmara, o vereador Telmo Vieira (PTB) encaminhou pedido de providência à Prefeitura para que instale quebra-molas em ruas de Taquara. Mencionou que, em reunião recente, a Secretaria de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana informou que essas execuções teriam início em abril.

Telmo ainda solicitou que a Secretaria de Planejamento realize uma avaliação junto à ponte de divisa entre Taquara e Igrejinha, situada no distrito de Padilha. “Tal diligência se faz necessária, pois a mesma se encontra em uma situação de visível precariedade na questão de segurança no acesso. Cabe ressaltar que já acorreram vários acidentes com motoqueiros, devido as tábuas dos trilhos estarem desalinhadas e com os ferros que às prendem erguidos, como também a estrutura danificada”, destacou o parlamentar.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Já o vereador Levi Metanoya (PTB) solicitou que a Secretaria de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana verifique a possibilidade de, em conjunto com o Conselho Comunitário Pró-Segurança Pública (Consepro), estender o período de tolerância do estacionamento rotativo. “Com a atual situação provocada pela pandemia de COVID-19, os 10 minutos são insuficientes para realizar atividades, já que o acesso a estabelecimentos está limitado e muitas vezes, a espera já ultrapassa 15 minutos”, justificou.

Levi ainda pediu a instalação de um redutor de velocidade na rua Treze de Maio, pois o local, segundo ele, tem muita circulação de pedestres. O vereador ainda pediu informações à Secretaria de Saúde sobre o retorno dos atendimentos de oncologia no hospital e em relação aos exames que tinham sido realizados antes do fechamento do hospital de Taquara, ocorrido em 10 de março.