Censo do IBGE oferece 226 vagas temporárias de emprego na região

Geral

As vagas são temporárias, contudo, os profissionais contratados pelo IBGE terão direito a férias e a 13º salários proporcionais.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou, na última quinta-feira (5), dois processos seletivos para a contratação de profissionais temporários que atuarão no Censo Demográfico de 2020. Para os municípios do Vale do Paranhana, estão sendo selecionados 226 profissionais, a maioria deles recenseadores, cargo que exige ensino fundamental completo e prevê remuneração por produtividade. Também estão sendo selecionados agentes censitários municipais (ACMs) e agentes censitários supervisores (ACSs), com escolaridade de ensino médio e remuneração de R$ 2,1 mil para os ACMs e de R$ 1,7 mil para os ACSs.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Conforme o IBGE, os agentes censitários municipais serão responsáveis pela coordenação da coleta do Censo 2020 em cada município. Já os agentes censitários supervisores vão supervisionar o trabalho dos recenseadores. Essas duas funções estão abrangidas no mesmo processo seletivo, e os melhores colocados em cada município ocuparão a vaga de agente censitário municipai, enquanto os demais serão agentes supervisores.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


As vagas são temporárias, contudo, os profissionais contratados pelo IBGE terão direito a férias e a 13º salários proporcionais, conforme a legislação em vigor e conforme o estabelecido pelos editais. A conferência pode ser feita pelo site da Cebraspe, que organiza o certame. Os links para os editais são: https://www.cebraspe.org.br/concursos/IBGE_20_AGENTE (para agentes censitários) e https://www.cebraspe.org.br/concursos/IBGE_20_RECENSEADOR (para recenseador).

As provas serão realizadas em todos os municípios onde houver vagas. Os exames para ACM/ACS serão em 17 de maio e para recenseadores em 24 de maio. A taxa de inscrição é de R$35,80 para ACM/ACS e de R$23,61 para recenseador. As inscrições estão abertas no site da Cebraspe e se estendem até o dia 24 de março. Os candidatos a recenseador farão prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, com 10 questões de Língua Portuguesa, 10 de Matemática, 5 sobre Ética no Serviço Público e 25 de Conhecimentos Técnicos. Os candidatos a ACM/ACS farão prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório, com 10 questões de Língua Portuguesa, 10 de Raciocínio Lógico Quantitativo, 5 de Ética no Serviço Público, 15 de Noções de Administração/Situações Gerenciais e 20 de Conhecimentos Técnicos.