CRAS de Taquara cria minibiblioteca no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Geral
Membros do Cras e da Prefeitura comemoram destinação de livros por Fundação Itaú. Divulgação/Magda Rabie

Em reunião de trabalho, na segunda-feira (6), a equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação lançou um novo projeto, a instalação de uma minibiblioteca para os usuários do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) junto ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). O secretário da pasta, Anildo Araújo, apresentou a doação de, aproximadamente, 300 livros de literatura infantil, recebida da Fundação Itaú Social. Estes são os primeiros exemplares a integrarem o projeto da minibiblioteca.



A parceria entre o Ministério do Desenvolvimento Social e a Fundação Itaú Social disponibiliza acervo de livros infantis em CRAS de todo o Brasil, mas é necessário que o Município faça esta adesão, conforme menciona Araújo. “Fizemos a adesão dos livros, em 2015, como não tínhamos ainda recebido, durante a minha participação no XX Encontro do Congemas – Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social evento realizado de 30 de julho a 1 de agosto, em Belo Horizonte, fui até o espaço da Fundação Itaú para me informar da situação. Fiquei feliz pois, ao voltar a Taquara, os livros já estavam à nossa espera”, menciona o secretário.

Os livros fazem parte da Biblioteca Itaú Criança e o principal objetivo é estimular a leitura ainda na primeira infância e fortalecer as ações do programa Criança Feliz, que já é realizado, em Taquara, e, atende, 53 famílias, sendo crianças de zero a 3 anos que tenham cadastro do Bolsa família, gestantes e pessoas com deficiências.