Devido à lotação, Delegacia de Taquara volta a ter preso algemado nas grades

As celas da carceragem estão lotadas devido à prisões de suspeitos de roubos de carros na região
Foto: Jornal Panorama

Após prisões realizadas nesta quarta-feira (27), pela Polícia Civil de Taquara e pela Brigada Militar de Taquara e Parobé, em decorrência de mandados expedidos contra ladrões de carros, a carceragem da Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA), de Taquara, voltou a ficar superlotada. Isso ocasionou a necessidade de se manter um homem, detido por crime de violência doméstica, algemado às grades em frente à delegacia.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Conforme a polícia, as celas da DP estão lotadas, pois tem cinco homens e uma mulher, que foi presa por receptação nesta quarta-feira. A mulher precisa ficar sozinha em uma das celas o que ocasiona a falta de espaço para abrigar outros possíveis detidos.

O indivíduo algemado nas grades foi preso por volta das 21h desta quarta-feira (27), na rua Cincinato Cardoso, no bairro Santa Maria, em Taquara. De acordo com o registro, o homem, de 46 anos, agrediu sua companheira, de 45 anos, e foi preso em flagrante pela Brigada Militar. Ambos foram trazidos à delegacia de Taquara, onde foi registrada a ocorrência.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE