Di Cristalli encerra unidade e demite mais de 300 funcionários em Três Coroas

Durante a semana, funcionários tinham se mobilizado para evitar saída de máquinas da companhia.

A Calçados Di Cristalli confirmou, na manhã desta sexta-feira (1º), que está encerrando as atividades de sua fábrica em Três Coroas. A informação foi divulgada pelo Sindicato dos Sapateiros do município e, com isso, serão demitidos 306 trabalhadores. O presidente do Sindicato, Nelson Haag, teve reunião durante a manhã com a direção da empresa, que já não estava pagando o que havia sido acordado com os funcionários.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Ainda nesta semana, trabalhadores se mobilizaram para evitar a retirada de máquinas da companhia e ficaram na frente da fábrica, para bloquear eventual saída de caminhões. Segundo Nelson informou, os representantes da empresa alegaram que usarão o patrimônio para pagar os funcionários, mas ainda não detalharam de que forma isso será realizado.

Nesta semana, quando houve a manifestação dos trabalhadores, a Di Cristalli divulgou nota em que admitia dificuldades financeiras. “Em agosto do ano passado, fazia nove mil pares/dia se readequou para três mil pares/dia. A fábrica tem máquinas para nove mil pares/dia, sendo que hoje não tem espaço físico para tantas máquinas. Para pagamento de adiantamento salarial e pagamentos de funcionários, tem vendido algumas máquinas. Não temos conhecimento de cancelamento de pedidos de clientes até o momento”, informou a companhia. Sobre o fechamento da fábrica, a Di Cristalli ainda não se posicionou oficialmente.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE