Diminuem os índices de violência contra mulheres no primeiro semestre em Parobé

Estatísticas foram compiladas pelo Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM).

O primeiro semestre de 2019 apresenta uma boa notícia no tocante à violência contra as mulheres em Parobé. Segundo números revelados nesta quarta-feira (10) pelo Centro de Referência de Atendimento à Mulher (Cram), foram 57 atendimentos no período, sendo 14 físicos, 10 patrimonial, 14 moral e três sexual. Os dados representam uma diminuição de 60,4% nos casos de violência em relação ao segundo semestre de 2018, quando foram realizados 144 atendimentos.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Sobre a classificação dos atendimentos, a coordenadora do Cram, Evandra Borba, explica que, durante os procedimentos, é feita a determinação em qual tipo se encaixa a violência cometida contra a vítima. Além dos serviços prestados às vítimas diretamente, a Coordenadoria da Mulher desenvolveu, neste período, grupos de orientação e reflexão ao tema “Violência contra a Mulher” em postos de saúde do município. Foram atingidas 78 mulheres. Também foram ministradas palestras em escolas.

O Cram atende na rau Vera Cruz, 701, segundo andar, no Centro, ao lado do ginásio municipal. O expediente é de segunda a quinta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. Nas sextas-feiras, das 7 às 13 horas. O contato para denúncias e mais informações é 3543.8663 ou Disque 180.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE