Diversão, criatividade e integração marcam apresentações da mostra de dança do Cras

O evento ocorreu na última quinta-feira (8).
Dança tradicionalista gaúcha foi uma das modalidades apresentadas na II Mostra Regional de Dança. Divulgação / Cleusa Silva

Criada como forma de valorizar os projetos desenvolvidos pelos grupos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), a II Mostra Regional de Dança este ano foi promovida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação de Taquara. O evento, realizado no Centro de Eventos das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), reuniu representantes dos municípios de Caraá, Imbé, Osório, Parobé, Santo Antônio da Patrulha, São Francisco de Paula e Taquara.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Considerado a porta de entrada da Assistência Social, já que desenvolve projetos principalmente nas áreas de maior vulnerabilidade social, o CRAS tem como objetivo o fortalecimento da convivência com a família e com a comunidade em geral e também orientar os cidadãos sobre os benefícios assistenciais e formas de inscrição nos programas sociais do Governo Federal.

De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Social e Habitação, Anildo Araújo, em Taquara são promovidas várias oficinas durante o ano letivo, com aulas no contra turno escolar, com atividades como dança, artesanato, capoeira, hip hop, entre outras. “Essas oficinas são muito importantes pois, além de promover a integração entre seus participantes, ainda serve como forma de combater a exclusão social provocada pelas diferenças de classe social, idade, gênero ou preconceitos raciais”, analisa Araújo.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Representando o prefeito Tito Livio Jaeger Filho, o vice-prefeito de Taquara, Hélio Cardoso Neto, deu as boas-vindas a todos os participantes do evento, em especial a Secretária Municipal da Mulher e dos Direitos Humanos de Imbé, Joseleine Barbosa, e falou sobre a satisfação por Taquara ter sido escolhida para sediar a segunda edição da mostra, que no ano passado ocorreu em Santo Antônio da Patrulha. “É muito gratificante para nós, taquarenses, receber tantos representantes dos CRAS da região. E mais ainda ver que nossa comunidade participa ativamente dos projetos organizados pelos grupos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, atividades que, além do autoconhecimento, promove o desenvolvimento de atividades e ainda estimula a autoestima de seus participantes”, avaliou o vice-prefeito de Taquara.

Ao final das apresentações, os participantes da II Mostra Regional de Dança foram recepcionados com um coquetel e puderam conhecer um pouco sobre o trabalho que é desenvolvido em Taquara, exposto em estandes montados no saguão do Centro de Eventos da Faccat. Também estiveram presentes no evento os secretários municipais de Educação, Cultura e Esportes, Antônio Edmar Teixeira de Holanda; e de Captação de Recursos, Paulo Möller, a vereadora Mônica Faccio, o diretor-geral das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), Delmar Backes, entre outras autoridades municipais e representantes dos Centros de Referência de Assistência Social dos municípios participantes.

Autoridades municipais e integrantes do Cras durante o evento. Divulgação / Cleusa Silva