Dupla de números expressivos: Jorge e Mateus comandam domingo de encerramento da 32ª Oktoberfest

Goianos, recordistas de público, trazem sucessos de mais de uma década de carreira para o palco principal da festa.
Foto: Alisson Demetrio/ Divulgação.

Com 14 anos de história, Jorge e Mateus são atualmente uma das principais duplas do país. A agenda dos cantores revela uma média de 200 shows por ano, com multidões que fazem dos goianos recordistas de público. Os números expressivos, que não se resumem às apresentações, são resultado de inúmeras canções de sucesso, que são reproduzidas no Brasil e no mundo e, neste domingo (27), dão ritmo à Oktoberfest de Igrejinha.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Tudo começou num churrasco

Confira a música mais recente dos cantores, lançada neste mês.

Tanto Jorge Alves Barcelos (37 anos), quanto Mateus Pedro Liduário de Oliveira (33 anos), nasceram na cidade de Itumbiara (GO). Apesar de não se conhecerem, e até terem se dedicado a carreiras profissionais distintas, antes da dupla, os goianos cresceram flertando com a música. Dedicaram inúmeros momentos de suas vidas em festas e festivais, nos quais eles já conquistavam admiradores pelo talento solo. Passada a adolescência, os dois foram apresentados por um amigo em comum, cantaram juntos para os colegas num churrasco e, a partir daí, foi um sucesso atrás do outro.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Confira a linha do tempo da carreira dos cantores:

Fonte: Site Oficial da dupla.

  • 2005 – O primeiro show da dupla foi no dia 26 de maio, em uma boate da cidade de Itumbiara. Surgiu um CD independente, gravado na garagem da casa de Mateus, com algumas composições próprias e novas roupagens de clássicos da música sertaneja;
  • 2007 – Nasceu o primeiro trabalho, o CD/DVD “Ao Vivo Em Goiânia” (Universal Music). A repercussão do álbum foi imediata e a dupla, além de ver o seu primeiro grande sucesso, a canção “Pode Chorar”, estourar por todo o Brasil, ganhou Disco de Ouro com o trabalho;
  • 2008 – A música “De Tanto Te Querer”, também do CD “Ao Vivo Em Goiânia”, foi escolhida para ser trilha sonora da novela global ‘A Favorita’. A canção passou a fazer parte da programação de quase todas as rádios brasileiras. Nasceu também neste ano o projeto “Jorge & Mateus Elétrico”, um ineditismo no sertanejo. A “Micareta” que misturava axé, pop e sertanejo percorreu várias cidades do Brasil, até chegar em Salvador;
  • 2009 – Jorge e Mateus lançaram o segundo CD e DVD, “O Mundo É Tão Pequeno” (Universal Music). “Voa Beija Flor” e “Vou Fazer Pirraça” se destacaram e a dupla conquistou Disco de Platina;
  • 2010 – Com dois CDs e DVDs gravados e uma turnê em solo americano, a dupla decidiu abraçar mais desafios internacionais. Fizeram seus primeiros shows na Europa – Londres, Amsterdam, Bruxelas e Lisboa – onde foram aclamados pelo público; Lançaram também o CD e DVD “Ao Vivo e Sem Cortes” e o CD “Aí Já Era”. “Ao Vivo e Sem Cortes” foi gravado, a partir de um show completo e sem cortes, em Goiânia. O álbum tem 20 canções, sendo que cinco são autorais da dupla. “Aí Já Era”, produzido por Jorge e Mateus e parceiros, garantiu à dupla o segundo Disco de Ouro;
  • 2012 – Jorge e Mateus gravaram o DVD “A Hora é Agora”, na praia de Jurerê Internacional, em Santa Catarina. Neste ano, a dupla subiu em outro palco: Londres foi escolhida para gravação de mais um CD e DVD, intitulado “Live In London – At The Royal Albert Hall”. Pela primeira vez, o teatro – que foi homenageado com o nome do álbum – recebeu artistas da música brasileira, o que marcou a história da dupla. O lugar já abriu suas portas para grandes lendas da música internacional como Led Zeppelin, Adele, Oasis, The Killers, entre outros;
  • 2014 – A dupla apareceu no top 10 do iTunes com dois dos álbuns mais vendidos no Brasil: “A Hora é Agora” e “Jorge & Mateus Live in London”; e como os artistas nacionais mais escutados no Spotify Brasil, logo no primeiro ano do serviço no País;
  • 2015 – Completaram uma década de parceria e apresentaram o álbum mais conceitual da carreira, com um repertório formado exclusivamente por canções românticas que ressaltam a essência e a identidade musical dos artistas, “Os Anjos Cantam” rendeu à dupla a indicação ao Latin Grammy na categoria “Melhor Álbum de Música Sertaneja”; No segundo semestre, foram gravados dois DVDs: “Como.Sempre.Feito.Nunca” e “Jorge & Mateus – 10 Anos”. O primeiro com repertório só com canções inéditas, registrado em setembro em São Paulo (capital), um show repleto de tecnologia. Já o segundo marcou a comemoração aos dez anos de carreira e aconteceu no Estádio Mané Garrincha (em Brasília – DF), no mês de outubro, reunindo grandes sucessos e recheado de emoção, que embalou o público superior a 80 mil pessoas, por cerca de três horas de show; A dupla fechou este ano liderando rankings no Facebook, YouTube, iTunes, Spotify e Deezer e em primeiro lugar entre os artistas mais tocados nas rádios do Brasil. (Fonte: Connectmix – empresa de monitoramento de execuções);
  • 2016 –  Foram destaque na lista da Forbes entre as 30 personalidades brasileiras mais populares da internet. É a dupla com maior número de seguidores da web; e na lista da Billboard aparece como a dupla melhor colocada entre os 15 nomes da música mais seguidos nas redes sociais;
  • 2017 – Lançaram três singles (“Se o Amor Tiver Lugar”, “Medida Certa” e Contrato”), e encerraram o ano gravando, em Goiânia, o álbum “Terra Sem CEP”; 
  • 2018 – Lançaram o disco “Terra sem CEP” – são 14 faixas inéditas, sendo que todas entraram nas mais tocadas das plataformas de streaming, logo na primeira semana de lançamento. ‘Propaganda’, música de trabalho do álbum, é a segunda canção mais visualizada no canal oficial da dupla no Youtube e foi a canção mais executada no Brasil no Spotify em 2017. Levaram para casa o título de Melhor Dupla pelo canal musical Multishow e foram os únicos artistas sertanejos brasileiros com mais de 1 bilhão de plays no Spotify;
  • 2019 – O ano começou com um show marcante na capital de Goiás. Em Fevereiro, Goiânia recebeu o projeto intitulado “Jorge & Mateus Único”, que conta a história da dupla através da apresentação de todos os seus sucessos cantados em uma ordem cronológica. Os artistas cantaram durante três horas para mais de 30 mil pessoas. No dia 26 de maio, comemoraram os 14 anos de carreira e também o sucesso da nova música de trabalho “Tijolão”. O single que já ganhou destaque na internet segue com milhões de execuções nos aplicativos de música. Nesta semana, a dupla anunciou que não trabalha mais com a produtora AudioMix, e assume integralmente a gestão da própria carreira.

Semana (Flor)ida

Mateus, a esposa Marcella e o primogênito Dom, à espera da pequena Flor que nasceu nesta semana. Foto: Divulgação.

A vida pessoal dos cantores Jorge e Mateus não é muito divulgada. Ambos têm um perfil mais discreto. Jorge anunciou a separação da designer Ana Carolina Freitas, no início deste ano, com quem tem o filho Davi. Foi um relacionamento de 12 anos. Já Mateus foi agraciado nesta quarta-feira (24) com uma segunda herdeira. Flor é o nome da pequena, fruto do relacionamento do cantor com a médica Marcella Barra, com quem Mateus é casado desde 2016, e tem o primogênito Dom. Nos sites de redes sociais, oficiais, dos cantores é possível encontrar fotos e informações.


PATROCINADORES DA COBERTURA DA OKTOBERFEST NA RÁDIO TAQUARA / JORNAL PANORAMA