Enfermeiras da Vigilância em Saúde de Taquara participam de capacitação sobre prova tuberculínica

Geral

Após encontro teórico, módulo prático ainda não tem data para ocorrer.

Integrando o Programa Estadual de Controle da Tuberculose (PECTRS), representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Taquara articularam e participaram, na quarta-feira (11), de capacitação direcionada à coleta de exame para teste de tuberculose – Prova Tuberculínica, com a participação de outros municípios da região. A capacitação é dividida em módulo teórico, desenvolvido no dia 11, e, em módulo prático. A capacitação em módulo prático, aconteceria nos dias 16, 17, 19 e 20 de março, mas por solicitação do governo do RS que suspendeu por trinta dias estas capacitações por conta do coronavírus, ocorrerá, provavelmente no mês que vem.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




O encontro teórico ocorreu na Secretaria Municipal de Saúde de Três Coroas, contando com a presença das enfermeiras de Taquara, Andressa Kelenn Lima Martins (especialista em Vigilância em Saúde, coordenadora dos agentes comunitários de saúde – ACS), e, Carina Ribeiro (responsável pela Vigilância em Saúde e educação continuada do município), sendo ministrado por Andreia Campos, enfermeira da Vigilância Estadual do RS – CEVS/PECT.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Esta capacitação vai permitir que os municípios tenham autonomia na realização da prova tuberculínica que é um exame de suma importância para auxiliar no diagnóstico da tuberculose. Como faz muito tempo que esta qualificação não acontecia, hoje, dentro dos municípios, ou a gente não possui pessoas com esta capacitação ou as pessoas que a possuem estão se aposentando, assim conseguimos que uma nova geração seja capacitada e habilitada para a realização deste exame diagnóstico”, menciona a enfermeira Andressa.

A enfermeira Carina reitera a relevância dos encontros. “Este exame é muito importante como auxiliar no diagnóstico da tuberculose, além de outros exames realizados, bem como as avaliações clínicas do paciente. É um ganho para o Município que conseguiu articular com o Estado e com os municípios circunvizinhos, um ganho a toda região”, destaca Carina.

Capacitação prática ainda não tem data para acontecer. Divulgação