Espaço Tibet terá Memorial que conta a trajetória de seu fundador e Chef, Ogyen Shak

Memorial de Ogyen Shak contará com 32 ilustrações que retratam sua fuga do Tibet até a Índia.

A missão do Chef Ogyen Shak de divulgar ao povo brasileiro a cultura tibetana de sabedoria e paz ganha um novo capítulo. Ele se prepara para dar mais um importante passo com a inauguração de um novo espaço: o Memorial de Ogyen Shak. Localizado junto ao Espaço Tibet – o primeiro e único restaurante tibetano do país -, em Três Coroas, a caminho da Serra Gaúcha, o local vai apresentar as memórias de sua origem, contando sua história e convidando o público a imergir ainda mais na cultura tibetana.

O pré-lançamento aconteceu durante a 31ª Feira Internacional de Turismo de Gramado (FESTURIS), considerada a melhor feira de negócios turísticos e viagens da América do Sul. No estande do Espaço Tibet, no sábado a tarde, Ogyen recebeu parceiros de negócios, autoridades, imprensa, influenciadores, além do público da feira, todos atraídos pela sua emocionante história. Além de contar alguns detalhes de sua trajetória, ele cantou um mantra, encantando e surpreendendo a todos.

O Memorial de Ogyen Shak contará com 32 ilustrações que retratam sua fuga do Tibet até a Índia, com técnica manual de nanquim e aquarela em preto e branco. Também terá fotografias dele já no Brasil, além de artigos pessoais como tintas minerais usadas para suas pinturas, documentos e bibelôs. O Memorial vai somar ao mix de experiências que o local proporciona. Além de desfrutar dos ambientes ricamente coloridos e da energia positiva que o espaço carrega, o visitante poderá se aprofundar na história de superação de seu fundador. Ogyen é um tibetano refugiado que, aos 16 anos, cruzou as montanhas nevadas do Himalaia a pé em busca de liberdade. Por uma reviravolta do destino acabou vindo para o Sul do Brasil, local que escolheu como novo lar!

O Memorial de Ogyen Shak abre oficialmente ao público no dia 24 de novembro (domingo).