Temperatura agora:   14.1 °C   [+]

Estudantes de Taquara terão que cantar três hinos semanalmente

A Câmara de Vereadores de Taquara aprovou, nesta segunda-feira (19), projeto de lei que prevê a execução do hino nacional, do hino do Rio Grande do Sul e do Hino a Taquara uma vez por semana nas escolas da rede municipal. A proposta é de autoria do vereador Guido Mário Prass Filho (PP), presidente do Legislativo. Pela regra, a execução dos três hinos deverá ser realizada durante todo o calendário escolar municipal.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Segundo o texto do projeto, a lei tem como objetivos que os estudantes conheçam os três hinos e compreendam o seu significado, bem como valorizem as canções e suas respectivas bandeiras. Também busca desenvolver o senso de patriotismo e criar, no ambiente escolar, um universo de respeito e amor à pátria. Outro objetivo é que os estudantes compreendam a postura adequada no momento da execução dos hinos.

Na mensagem à proposta, o vereador Guido lembra que já existe lei federal em vigor determinando a obrigatoriedade da execução do hino nacional nas escolas de ensino fundamental uma vez por semana. “O objetivo desta proposta, além do cumprimento da lei federal, é resgatar a compreensão, valorização e o patriotismo dos nossos alunos taquarenses, que fazem parte da rede municipal de ensino. Neste sentido, incluímos nesta proposição, o Hino Rio-Grandense e o Hino a Taquara, pois entendemos a importância dos mesmos, pois representam o Estado e a Cidade em que vivemos, e fazemos nossa história”, explicou o vereador.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A matéria teve o voto contrário da vereadora Mônica Facio (PT). Como professora, a parlamentar reconheceu a importância do patriotismo, mas disse entender que questões ligadas à educação devem ser decididas no ambiente democrático de cada escola, por meio da gestão escolar.

➡️ COMO VOTARAM OS VEREADORES

✅ Favoráveis
Levi Batista de Lima Júnior (PTB)
Daniel Laerte Lahm (PTB)
Moisés Cândido Rangel (PSC)
Luis Felipe Luz Lehnen (PSDB)
Telmo Vieira (PTB)
Sirlei Teresinha Bernardes da Silveira (PTB)
Régis Bento de Souza (MDB)
Sandra Beatriz Schaeffer (PP)
Marlene Terezinha Haag (PTB)
Nelson José Martins (MDB)
Magali Vitorina da Silva (PTB)
Carmem Solange Kirsch da Silva (PTB)
Adalberto Carlos Soares (PTB)

🛑 Contrário
Mônica Juliana Facio (PT)