Temperatura agora:   12.7 °C   [+]

Fé, acima do confinamento: Pe Luciano fala sobre rotina de missas online e deixa mensagem aos fieis

Padre Luciano tem transmitido missas, ao vivo, pelo Facebook e pelo You Tube. Foto: reprodução da Internet.

As medidas de confinamento, impostas pela pandemia do novo coronavírus, têm feito com que a sociedade se movimente e busque alternativas para manter a vida o mais próximo possível da normalidade. Seja em relação às necessidades físicas, psicológicas ou espirituais. E se tratando de fé, conforme o padre Luciano de Almeida, da Paróquia Senhor Bom Jesus – Taquara – os meios de comunicação, especialmente ligados à internet, têm sido as principais ferramentas adotadas à rotina.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Em entrevista ao Jornal Panorama e Rádio Taquara, nesta quinta-feira (09), o sacerdote disse que o período de isolamento tem sido muito difícil, pela restrição das pessoas ao templo. No entanto, com o uso dos meios de comunicação e muita dedicação, a igreja tem se mantido unida e ele tem encontrado formas de atender aos fieis. Nas celebrações do Tríduo Pascal, por exemplo, Pe Luciano conta que convidou as lideranças da comunidade para representarem a população, presencialmente, nas cerimônias que estão sendo transmitidas pelo Facebook e You Tube.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Apesar das orientações de isolamento social, os doentes continuam sendo visitados pelo pároco de Taquara, que também tem atendido à demanda de sepultamentos dos católicos da cidade, respeitando – em ambas situações – as normas sanitárias. De acordo com o Pe Luciano, a igreja não parou, mas teve que se adaptar à nova realidade. A exemplo disto também estão as confissões, que agora acontecem no jardim da paróquia. “Me sento no jardim, os fieis estacionam os carros a dois metros e podem se confessar de dentro do veículo mesmo. Um sai, outro chega. Um cenário novo, para poder garantir algum conforto espiritual aos cristãos”, descreveu o sacerdote.

Paróquia mobilizada em favor dos necessitados

Embora encontrando soluções diárias para as demandas, Pe Luciano lamentou a situação, destacando que nunca na história da Igreja Católica, os templos foram fechados, ou os padres tiveram que rezar sozinhos – mesmo durante as perseguições, nos primeiros três séculos. “O confinamento é algo novo e histórico para essa geração. Desde os mais velhos, até os mais novos. Mas a situação não se reflete apenas sobre a espiritualidade, pois muitas pessoas já estão enfrentando necessidades financeiras e nós, enquanto Paróquia, estamos nos mobilizando para atender a quem pudermos”, destacou o pároco.

Pe Luciano disse que a comunidade católica local está angariando doações de alimentos, roupas e materiais de higiene para ajudar aos necessitados. Destacou que é muito importante que todos se unam, nesse sentido, pois o cenário econômico do pais demonstra que a fragilidade deve atingir cada vez mais pessoas. As doações são recebidas todas as manhãs, de segunda a sábado, na Paróquia Senhor Bom Jesus – que já beneficia 120 famílias cadastradas, mensalmente.

Páscoa: tempo de ressurreição, passagem, vida nova

O sacerdote também deixou uma mensagem de Páscoa para os leitores do Jornal Panorama. Destacou que Páscoa é tempo de ressurreição, passagem, vida nova. “Lembra a saída do povo, de um tempo de escuridão, um tempo em que o povo era escravo, para uma vida nova na terra prometida. E, neste ano, não apenas a Páscoa, mas toda e qualquer comemoração, tem para nós um significado diferente. Então, que esse tempo de quarentena seja, de fato, um tempo de Páscoa em nossas vidas – mesmo para os que não são cristãos. Que seja um tempo de passagem de uma vida de erros, egoísmo, indiferença, para uma vida nova, de doação, generosidade, de abertura ao outro. Que seja um tempo de passagem das velhas para as novas relações, em casa, no trabalho, entre amigos. Que entendamos que juntos fazemos a diferença, não elevamos um, mas todos nós. Então que essa Páscoa seja, não só a celebração da vitória de Jesus, mas, com a ajuda de Jesus, a nossa vitória sobre o nosso egoísmo, rancor, mágoas, misérias, e que construamos um mundo novo”, desejou o sacerdote.

Confira a agenda do Tríduo Pascal, em Taquara:

  • Sexta-feira (10), às 19h30 – Procissão Motorizada do Senhor Morto (saindo da Matriz Senhor Bom Jesus;
  • Sábado (11), às 19h – Missa da Vigília Pascal (ao vivo, pelo You Tube – preparar água e velas para receberem a benção);
  • Domingo (12), às 8h30min – Domingo da Ressurreição (ao vivo pelo You Tube e com transmissão, também, pela Rádio Taquara AM 1490).