Moradores reivindicam construção de passarela na ERS-239 em Taquara

Pedido envolve moradores de três bairros de Taquara, numa das travessias mais perigosas da rodovia.
Moradores apresentaram faixas reivindicando passarela na 239. Vinícius Linden / Jornal Panorama

Moradores dos bairros Aimoré, Medianeira e Ideal, de Taquara, realizaram, na tarde deste domingo (22), um protesto na ERS-239. O pedido foi para a construção de uma passarela na rodovia, o que não está previsto no projeto de duplicação da 239. Com faixas e cartazes, os moradores buscaram sensibilizar os motoristas que passavam pela rodovia a apoiar o pleito. O protesto começou por volta de 16 horas e encerrou pouco antes das 17 horas.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Segundo os manifestantes, várias reuniões já foram realizadas com as autoridades estaduais, pedindo a construção da passarela. Alertam para que a travessia destes bairros é uma das mais perigosas da rodovia, e já causava diversos acidentes com duas pistas, agora com a duplicação e o consequente aumento para quatro pistas, o temor é de que a insegurança aumente no local.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Os moradores relatam que ao longo dos últimos anos acompanharam vários acidentes com vítimas fatais no percurso. Nas manifestações, os representantes da associação da localidade informaram que, se não houver uma resposta satisfatória em um período de até 30 dias, podem realizar nova manifestação na rodovia, inclusive com o bloqueio total do tráfego. Neste domingo, embora tenha ocorrido diminuição de velocidade por conta do manifesto, não houve interrupção do trânsito.