Oktoberfest de Igrejinha muda formato do evento de escolha das soberanas para 2018


Novidades foram divulgadas pelo novo presidente do evento, Luis Schuller, que assume o comando da festa em dezembro.


Lucas, Ione, Luiz e Eduardo: família unida em prol da Oktoberfest. Divulgação

Atual vice-presidente da Oktoberfest, o empresário Luis Schüler, 55 anos, assume, em 2018, o seu principal desafio junto à comunidade de Igrejinha: comandar a maior festa do município, um dos maiores orgulhos dos igrejinhenses. Voluntário junto com a esposa Ione Schüler, 55, já trabalhou em várias comissões, ressaltando que conhece a importância da festa para a comunidade local. Em entrevista ao Panorama, contou uma das novidades para 2018, a mudança no formato do evento de escolha das soberanas, que será a primeira atividade oficial, bem como salientou a importância da vice-presidência para acumular a experiência necessária à condução do evento.

Schüler se formou em eletrotécnica na Escola Técnica Federal de Pelotas e trabalhou por cerca de um ano em Erechim. Em 1984, buscando melhores oportunidades de trabalho, fixou residência em Igrejinha. Durante 27 anos, trabalhou como gerente de produção na Eletrotec Construções Elétricas, e cursou três semestres de Engenharia de Produção na Faccat. “Em 2011, com vontade de empreender, convidei dois colegas e montamos empresa própria, que é a Voltec Soluções em Energia, que completou seus seis anos na última quarta-feira”, contou. Schuler é pai de Eduardo, 31 anos, e Lucas, 27.

Falando sobre sua ligação com Igrejinha, diz sentir orgulho pela cidade que escolheu para viver. “As pessoas daqui nos acolheram de maneira carinhosa, nos auxiliando, nesta cidade que, até então, considerávamos estranha. Aqui construímos nossa família e nos engajamos em vários grupos de trabalho e assistência social, tais como CPMs de escolas, diretoria do nosso hospital, Consulado Colorado de Igrejinha e como voluntários da Oktoberfest há 20 anos. Igrejinha, por ser uma cidade pequena, permite que se conheça grande parte de seus moradores, o que facilita a integração das pessoas. É uma cidade encantadora, bonita e tranquila. Um bom lugar para se viver. Seu povo se une em favor do bem estar de todos”, elogiou.

ESCOLHA DAS SOBERANAS
A primeira novidade divulgada por Schüler diz respeito ao evento oficial que marcará a abertura das atividades da Oktoberfest em 2018, a escolha das soberanas, que será no dia 22 de abril, um domingo. “Teremos um espetáculo, onde será contada a história dos imigrantes alemães e da Oktoberfest. Este evento não mais se realizará no formato de baile, como em anos anteriores. Nossa expectativa é de integrarmos as famílias igrejinhenses, num belo e emocionante espetáculo”, comentou, acrescentando outras metas divulgadas ainda no seu discurso de posse como novo presidente, de incentivar a alegria e o uso de trajes típicos. “Temos certeza de que os idealizadores da primeira Oktoberfest de Igrejinha tinham como objetivo o resgate da cultura germânica numa festa muito alegre, com diversão para todos. Com o incentivo ao uso de trajes típicos, o que torna a festa muito mais encantadora, e primando pela alegria, estaremos em sintonia com aqueles que nos precederam”, reforçou Schüler, que projeta mais novidades para serem anunciadas no decorrer do próximo ano.

VICE-PRESIDÊNCIA
Luiz diz que o fato de ter ocupado a vice-presidência da festa, neste ano, percebeu sentir a responsabilidade de trabalhar na organização e realização da Oktober. Mas, disse que isso não o assusta, pois conta com diretoria e voluntários que não medem esforços para que tudo aconteça da melhor forma. “As várias equipes de trabalho são plenamente comprometidas, tendo sempre consciência de que, o sucesso da Oktoberfest, depende de todos”, frisou. Segundo Schüler, é vontade de todos que a festa seja grande e compatibilize, também, um bom resultado financeiro. “Porém, todos também sabemos que, para fazermos uma grande e bonita festa, investimentos são necessários. Como exemplo, posso citar os custos no Parque de Eventos, que necessitamos manter sempre nas melhores condições possíveis, pois é ele que abriga a todos para a celebração da festa. Temos muito cuidado na compatibilização dos custos, porque sabemos que estes influenciarão diretamente no resultado que tanto desejamos”, explicou.

CASAL VICE-PRESIDENTE
Sobre a escolha de Ezequiel Stein e Priscila Reinheimer para a vice-presidência da festa, Schüler conta que buscou, junto com Ione, alguém que se identificasse com a festa e com o desejo de perpetuação do evento. “De família tradicional, o Ezequiel e a Priscila possuem todas as condições para assumirem a edição de 2019. São pessoas que desde cedo superaram desafios e que estão sempre prontos a se engajarem nos trabalhos em prol da comunidade”, finalizou o novo presidente.

Compartilhar nas redes sociais: