Poder público regional gastou R$ 422 mil em diárias em 2018

Prefeitura de Parobé responde por 38% dos gastos e lidera o ranking.

O Ministério Público de Contas (MPC) do Estado divulgou, nesta segunda-feira (13), os dados de gastos com diárias de todas as prefeituras e câmaras de vereadores do Rio Grande do Sul. No levantamento do Vale do Paranhana, o poder público dos seis municípios gastou, em 2018, R$ 422.134,15. A maioria dos gastos é feita pelas prefeituras, que gastaram R$ 381.436,07. Já as câmaras de vereadores são responsáveis por um gasto de R$ 40.698,08.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


No tocante às prefeituras, o ranking é liderado por Parobé, com R$ 161 mil. Depois, aparece Rolante, com R$ 66 mil; Riozinho, com R$ 59 mil; Taquara, que gastou R$ 58 mil; Igrejinha, com R$ 20 mil; e Três Coroas, com R$ 16 mil. Já em relação às câmaras, Rolante lidera, com gastos de R$ 27 mil; Riozinho em seguida, com R$ 7 mil; Taquara em terceiro, com gasto de R$ 3 mil; Parobé gastou R$ 2,6 mil; enquanto Igrejinha e Três Coroas não gastaram com diárias em 2018.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE