POLÍCIA

Polícia Civil de Parobé prende quatro pessoas em investigação sobre jogos de azar

Blocos de anotações do jogo do bicho e quantia em dinheiro foram apreendidos.
Quatro homens foram detidos em investigação da Polícia Civil de Parobé. Divulgação

A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Parobé, com apoio das delegacias de Nova Hartz, Sapiranga, Estância Velha, Ivoti e da terceira Delegacia Regional de Polícia, realizou operação contra o tráfico de entorpecentes e jogos de azar, incluindo máquinas caça-níqueis e jogo do bicho. Foram presos quatro indivíduos.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Segundo o delegado Rafael Sauthier, a operação se deu através do cumprimento de três mandados de busca e apreensão em três locais diferentes. Os mandados de busca foram representados pela Delegacia de Polícia de Parobé, fruto de investigação realizada nas últimas semanas.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Ao todo, nos três endereços, incluindo o local onde houve a prisão em flagrante, foram apreendidos seis aparelhos celulares, R$ 5.492,00 em cédulas, R$ 4.734,00 em moedas, quatro blocos para apostas do jogo do bicho, um aparelho DVR, três cadernos de anotações, 52 gramas de substância semelhante a cocaína, uma balança de precisão, um revólver calibre .38 raspado, duas televisões LCD, um netbook.

Os presos, que não tiveram seus nomes divulgados, têm idades de 53 anos, 36, 37 e 27. Segundo a polícia, todos serão encaminhados ao sistema prisional e, no decorrer do inquérito, mais pessoas deverão ser indiciadas.

Materiais apreendidos na investigação contra o jogo de azar. Divulgação/Polícia Civil