Temperatura agora:   13.5 °C   [+]

Prefeitura de Três Coroas retoma atendimento presencial

A Prefeitura de Três Coroas retomou nesta segunda-feira (04) o atendimento presencial ao público. O horário de expediente também voltou a ser de segunda a quinta-feira, das 12h às 19h, e nas sextas-feiras das 9h às 16h. Entre as 15h e as 16h30 os grupos de risco terão prioridade no atendimento.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Em virtude da pandemia do novo coronavírus, nas últimas semanas os trabalhos no centro administrativo estavam sendo realizados internamente, com portas fechadas e em horário especial. Os serviços e demandas estavam sendo solicitados por telefone e pelo correio eletrônico.

Após o município estruturar o seu sistema de enfrentamento ao vírus, e adotar medidas que garantam a segurança dos servidores e dos usuários, a administração municipal flexibilizou a sua forma de atendimento. Porém, conforme divulgado em texto encaminhado à imprensa, os munícipes terão de se adequar às exigências sanitárias para ingressar na prefeitura.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Está sendo exigido que todas as pessoas estejam usando máscara e que também higienizem as mãos com álcool em gel antes de entrar no centro administrativo. O produto está sendo disponibilizado logo na entrada, por profissionais que estão orientando as pessoas e liberando apenas uma por vez para cada setor, para evitar aglomerações.

Também está sendo solicitado o distanciamento entre os usuários. Para facilitar a compreensão. Além disso, marcações foram feitas no solo e cones com faixas de isolamento foram colocados para delimitar os espaços de atendimento.

Como o prefeito está no grupo de risco, por ter mais de 60 anos, ele não deve realizar atendimento presencial. As demandas devem ser encaminhadas à secretária, que seguirá realizando os atendimentos.

Para evitar aglomerações, neste ano, os carnês do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) serão enviados aos endereços dos munícipes. Todas as medidas foram adotadas como forma de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença na cidade.