Temperatura agora:   8.7 °C   [+]

Projeto da escola Alípio Sperb representará Taquara na Mostratec

Um estudo aprofundado sobre como a arte pode auxiliar no tratamento de diagnósticos de depressão, premiou os alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Alípio Alfredo Sperb, com o projeto “Arte na Terapia: expressando a depressão”, na 2ª FEMICTA – Feira Municipal de Iniciação Científica de Taquara e Mostra Municipal de Projetos Pedagógicos. O projeto representará o Município, na categoria Anos Finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Ensino de Jovens e Adultos, na Mostratec – Mostra de Ciências e Tecnologia, realizada pela Fundação Liberato, de 23 a 28 de outubro, em Novo Hamburgo.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A turma do oitavo ano, representada pelas alunas Eduarda Cesar Dias, Katrine Machado Souza e Raíssa Fernanda Santos Correa, ambas com 14 anos, focaram a pesquisa na arteterapia, aprofundando o tratamento nas áreas artísticas da música, da literatura e da fotografia. “Nos esforçamos bastante, não sei explicar se esperávamos este resultado, mas pra gente foi uma surpresa, uma emoção, pois queríamos ir pra Mostratec e conseguimos. Acho que a importância do tema nos ajudou, pois somos tão jovens e estamos falando de um assunto tão relevante pra nossa geração”, comenta Raíssa.

Para a diretora da Alípio, Vilma Sant’ana Bastos, as alunas mereceram o prêmio. “A gente espera ter resultados como este, pois sempre nos dedicamos muito, estamos orgulhosos de todos os nossos alunos, estou muito feliz, porque trabalharam o projeto desde o início do ano, se dedicaram e tiveram o reconhecimento de todo este comprometimento, é o resultado de um esforço, mereceram muito”, afirma Vilma.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Em segundo lugar, na categoria Anos Finais do Ensino Fundamental ficou o projeto “A composteira ideal para você”, da EMEF Antônio Martins Rangel, e, em terceiro lugar, o projeto “Qualidade do ar no bairro Santa Rosa”, da EMEF Rosa Elsa Mertins. Também foram premiados projetos com destaque Social, Ambiental e Iniciação Científica. O projeto “As problemáticas do amianto e materiais alternativos”, da EMEF João Martins Nunes, ganhou o Destaque Ambiental; o projeto “Construção de maquetes como estratégia de ensino”, da EMEF 17 de Abril, ganhou o Destaque Social e o projeto “A composteira ideal para você”, da EMEF Antônio Martins Rangel, ganhou também o Destaque Iniciação Científica.