Projetos de Três Coroas recebem premiação na Mostratec

Estudantes visitaram a prefeitura e divulgaram as suas iniciativas.
Divulgação /Diego Land

Comemorando a conquista, o prefeito de Três Coroas Orlando Teixeira e a secretária de Educação do município, Viviane Rothe, receberam, na tarde desta quinta-feira (14), alunos, professores e diretores das escolas que participaram da 34º Mostratec – Mostra Brasileira de Ciência e Tecnologia, em Novo Hamburgo. Na ocasião, os vencedores das três categorias participantes compartilharam a experiência positiva, de pela primeira vez participar da mostra e conquistar títulos, dando destaque para as escolas do município.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




“Para nós esse título tem grande importância, pois o fato de participarmos pela primeira vez e já sairmos vitoriosos nos enche de orgulho. A experiência nos mostrou que além de ajudarmos pessoas, vamos poder espalhar nosso projeto por toda parte, pois sabemos que muita gente precisa”, explica Fernanda Guimarães, aluna da Escola Municipal Fernando Ferrari, 1º lugar na categoria Educação Jovens e Adultos (EJA).

Os três projetos inscritos pelo município foram premiados. A Escola Municipal Fernando Ferrari ficou em 1º lugar na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA), a Escola Municipal Duque de Caxias conquistou a 4ª colocação na categoria de 1º a 3º ano, e a Escola Municipal Balduíno Robinson ganhou o prêmio de Imersão Científica e Tecnológica da Fundação Liberato Salzano Vieira da Cunha.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O prefeito falou com satisfação sobre os resultados. “Nos enchemos de orgulho deste momento importante, pois isso mostra a capacidade dos nossos alunos, que competiram com potências de outros estados e até de outros países. Nossas escolas, além de serem referência na qualidade no ensino e dentro das salas de aula, mantém um padrão de relacionamento com os pais, através do Ciclo de Pais e Mestres, facilitando assim as atividades em conjunto e o aprendizado. Isso, sem dúvida, é um bom reflexo para nossas crianças”, disse.

Já a secretária de Educação diz que resgatar atividades que despertem o senso crítico dos alunos e o gosto pelas descobertas científicas é essencial. “Quando assumi a secretaria em 2017, adotei como desafio resgatar feiras de ciências para escolas do município, porque acredito muito no potencial dos nossos alunos. Fazendo uma avaliação, vemos que as feiras escolares e a municipal superaram as expectativas. Com esta premiação, percebemos o quão importante é continuar incentivando nossos alunos através da provocação do senso crítico e o gosto pelas descobertas científicas”, finaliza.

O encontro foi finalizado com o registro dos representantes das escolas e alunos com o prefeito e a secretária de Educação.

Divulgação /Diego Land