Tito explica desistência da compra de salas no Shopping Viena

Geral

Prefeito comentou o assunto em entrevista à Rádio Taquara.

A administração de Taquara desistiu de comprar três salas comerciais no Shopping Viena para a instalação da biblioteca infantil. A medida chegou a ser prevista em um projeto de lei submetido à apreciação da Câmara de Vereadores, mas a proposta foi retirada pelo próprio prefeito Tito Lívio Jaeger Filho (PTB). Nesta sexta-feira (14), o chefe do Executivo comentou o assunto em seu espaço semanal no programa Horário Nobre, da Rádio Taquara. Tito disse que desistiu após ter tomado conhecimento sobre os valores da aquisição em leilão do imóvel, o que inviabilizaria a compra pela prefeitura.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Primeiro, Tito explicou que a aquisição das salas seria feita com recursos de rubricas orçamentárias do setor educacional, que são destinados a investimentos. Agora, com a desistência, a prefeitura estudará outras ações que serão feitas para investir estes recursos na área educacional. Acrescentou que, por um estudo do próprio setor da educação, houve a concordância de que as salas seriam adequadas à instalação de uma biblioteca infantil, ainda levando em conta que a prefeitura já é proprietária do Centro Educacional Índio Brasileiro Cezar, o antigo Cine Viena, que recebe uma série de eventos. O espaço do Centro Educacional foi comprado pela administração no segundo mandato do ex-prefeito Délcio Hugentobler.

Mas, o prefeito disse que desistiu do negócio ao tomar conhecimento do valor pelo qual o proprietário adquiriu os imóveis em leilão, ainda neste ano, que foram bem abaixo da negociação entabulada. No projeto encaminhado à Câmara, a Prefeitura estava se dispondo a pagar R$ 650 mil pelas três salas. Em anexo aos projetos, Tito encaminhou documentos em que o próprio setor de avaliação da Prefeitura concordava com o valor proposto para as salas, bem como imobiliárias locais também chegavam a este montante. Contudo, diante do valor pago no leilão, o prefeito disse entender que não seria possível a aquisição pelo poder público pelo montante proposto. Tito, no entanto, reforçou que não havia nenhuma ilegalidade no projeto e não tinha conhecimento sobre os valores do leilão.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Imóveis foram adquiridos por R$ 217 mil
Nesta quinta-feira (13), a compra das salas no Shopping Viena também foi assunto do programa Painel 1490, da Rádio Taquara. O vereador Nelson Martins (MDB) participou do programa e tratou do tema, dizendo que alertou seus colegas da Comissão de Constituição e Justiça em relação ao valor pelo qual o proprietário comprou os imóveis. Dizendo que não tem interesse em se envolver no preço pelo qual o dono pretendia vender as salas, Nelson afirmou que votaria contra os projetos, uma vez que as salas foram compradas em leilão por R$ 217 mil. Segundo Nelson, se foram compradas por este preço, não poderia a Prefeitura adquirir os imóveis por um valor bem mais alto.

Prefeito no HN

Confira a participação do prefeito de Taquara, Tito Lívio Jaeger Filho, no programa Horário Nobre, na Rádio Taquara.

Publicado por Jornal Panorama em Sexta-feira, 14 de dezembro de 2018