Coluna da Comunidade Evangélica de Taquara

“Eu penso que o que sofremos neste mundo não pode ser comparado, de jeito nenhum, com a glória que será revelada” (Romanos 8.18).

Amigos do Panorama! Percebemos que cada vez mais estão lançados livros de auto ajuda. Por quê? Um dos motivos é que as pessoas buscam algo que lhes dê sentido de vida e que as ajude a solucionar os seus problemas. Acho que é atitude correta tentar resolver suas inquietações.

A Bíblia não nega que as inquietações e o sofrimento fazem parte da vida. Pensemos em Moisés, Jeremias, Maria, Paulo…Pessoas como você e eu. Como lidar com isto? O apóstolo Paulo diz: “Eu penso que o que sofremos neste mundo não pode ser comparado, de jeito nenhum, coma glória que será revelada”. O sofrimento não se refere apenas às pessoas, mas engloba toda a criação: “Pois sabemos que, até agora, o universo todo geme com dores iguais às de parto” (Rm8.22). Diante do sofrimento que padecemos, o apóstolo dá um testemunho de esperança que não entrega os pontos e que motiva a cuidar da vida. É esperança que não nega as angústias, mas que ajuda a suportá-las.

Também as ofertas de auto ajuda propõem ajudar as pessoas em seus conflitos e sofrimentos. Certamente muitas destas ajudas são úteis. Mas, é preciso desconfiar quando se diz que “querer é poder”. Isto é, quando o ser humano está colocado no centro de tudo. A esperança cristã é diferente. Ela propõe confiança em Deus. Ele segura a nossa mão em meio às dificuldades e chegará o dia em que ele  “enxugará dos olhos todas as lágrimas” (Apocalipse 21.4). Amém.

Pastor Valmor Haag

PROGRAMAÇÕES:

Sábado, 24: Culto no Lar OASE, às 15 horas, com Ceia do Senhor;

Domingo, 25: Culto na Igreja da Paz (centro), às 9 horas. Homenagem aos aniversariantes do mês de março e após o culto haverá reunião com pais e confirmandos.

Lembrando: Na Quinta-Feira Santa, dia 29: Culto na Igreja da Paz, às 20 horas, com Ceia do Senhor; Sexta-feira Santa, dia 30: Culto na Igreja da Paz, às 9 horas, com Ceia; Domingo da Páscoa, 1º de abril: Caminhada ecumênica da Páscoa, às 6 horas, e Culto na Igreja da Paz, às 9 horas, com Ceia do Senhor.

%d blogueiros gostam disto: